Casa da Bóia

O nome desta tradicional empresa, criada em 1898, remonta ao ano de 1911, quando seu fundador, Rizkallah Jorge, teve a iniciativa pioneira de comercializar as bóias para caixas d’água, contribuindo assim para o combate à epidemia da febre amarela que se alastrou pela cidade. O Museu da Casa da Bóia, situado no 1º andar deste edifício de traços Art Nouveau, foi inaugurado no centenário da empresa.

Curiosidades:

– Atualmente, a empresa comercializa, entre outros, materiais para instalações hidráulicas, elétricas e ferramentas.

– A Casa da Bóia está instalada neste mesmo prédio desde a sua fundação.

– O museu abriga diversos artigos que contam a história da empresa, de seus fundadores e de São Paulo. O acervo é composto por móveis, gravuras, fotos, máquinas, livros contábeis, entre outros objetos.

– Durante a restauração do edifício, descobriu-se que a pintura decorativa original das antigas salas do primeiro andar estava preservada sob diversas camadas mais recentes de tinta. Após restauração das salas, as mesmas foram transformadas em um museu.

– A Casa da Bóia foi tombada pelo Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo (Conpresp) em 1992.

+ Informações
Siga!

Endereço: Rua Florêncio de Abreu, 123 – Centro.

Horário de funcionamento: a visitação ao museu acontece com hora marcada. Para preencher o formulário de visita, acesse.

Site oficial