Estação Pinacoteca

Inaugurado em 1914 para abrigar armazéns da Estrada de Ferro Sorocabana, foi sede, entre 1940 e 1983, do Departamento de Ordem Política e Social (DEOPS), órgão de investigação e repressão especialmente ativo na Ditadura Militar. Incorporado à Pinacoteca do Estado em 2004, abriga mostras fixas e temporárias, além do Memorial da Resistência, dedicado à memória da resistência e da repressão política.

Curiosidades:

– A Estação Pinacoteca abriga a Coleção Nemirovsky, um dos mais importantes acervos de arte moderna do país.

– Com a incorporação à Pinacoteca, o edifício passou por uma grande reforma, com projeto do arquiteto Haron Cohen.

– Esta construção funcionou também como estação provisória da Estrada de Ferro Sorocabana até o ano de 1930, quando se iniciaram as operações da Estação Júlio Prestes (naquela época, Estação São Paulo)

– No primeiro andar da Estação Pinacoteca funcionam o Centro de Documentação e Memória da Pinacoteca do Estado (Cedoc) e a Biblioteca Walter Wey, a qual conta com um significativo acervo de artes visuais.

– A Estação Pinacoteca faz parte do roteiro temático O Café e a História da cidade. Para mais informações, acesse www.cidadedesaopaulo.com ou procure a Central de Informações Turísticas mais próxima.

+ Informações
Siga!

Endereço: Largo General Osório, 66 – Santa Ifigênia

Horário de funcionamento: de terça a domingo, das 10h às 18h (a bilheteria fecha às 17h30). Às quintas, até às 22h.

Entrada: R$6,00 (entrada combinada Pinacoteca e Estação Pinacoteca). Grátis aos sábados. Às quintas, grátis das 18h às 22h.

Site oficial