Igreja da Consolação

Igreja fundada em 1799 e elevada a paróquia em 1870. A construção atual data do início do século 20 e foi projetada pelo alemão Maximilian Hehl. Destaque para a enorme torre e, no interior, para o altar-mor trazido de Paris, de carvalho, mármore e bronze, além de importantes obras de pintores brasileiros do século 20, como Benedito Calixto. No piso do altar-mor há um belo mosaico alemão de mármore.

Curiosidades:

– O arquiteto Maximilian Hehl, responsável pelo projeto da igreja, é também autor do projeto de outro grande ícone da arquitetura religiosa em São Paulo: a Catedral da Sé.

– As igrejas de Santa Cruz das Perdizes e de Santa Cecília chegaram a ser subordinadas à Igreja da Consolação.

– A Igreja da Consolação foi subordinada à de Santa Ifigênia, enquanto a maioria das igrejas do século 19 servia à Sé.

– O terreno onde se encontra a igreja pertencia a Dona Veridiana Prado, aristocrata e intelectual brasileira que marcou a vida cultural da São Paulo de sua época. Viveu entre 1825 e 1910.

+ Informações
Siga!

Endereço: Rua da Consolação, 605

Horário de funcionamento: segundas das 9h às 11h, terças das 9h às 11h e das 16h às 18h, quartas das 15h às 17h, quintas das 9h às 11h e das 16h às 18h e sextas das 9h às 11h e das 15h às 17h.

Site oficial